Semana da “Laudato si” celebrará 1º aniversário da Encíclica de Francisco

0

REUTERS858699_ArticoloO primeiro aniversário da publicação, em 2015, da Carta encíclica “Laudato si” do Papa Francisco sobre o cuidado da casa comum será celebrado, no mundo inteiro, com uma semana de inciativas.

Programada para os dias 12 a 19 deste mês de junho, a iniciativa é promovida pela Rede Global Católica sobre as Mudanças Climáticas (Global Catholic Climate Movement), criada em 2015 em vista da última Conferência Mundial sobre o Clima (Cop21), realizada em Paris, e hoje comprometida a difundir o conteúdo do documento pontifício e a promover sua aplicação.

Objetivo: realizar mil eventos numa semana

Centenas de paróquias e comunidades eclesiais no mundo inteiro organizarão diferentes eventos para sensibilizar a opinião pública e discutir sobre como colocar em prática a ecologia integral proposta pelo Papa Francisco.

Entre as iniciativas propostas pela Rede global católica destacam-se: seminários sobre a Encíclica e sobre a atual crise ecológica no mundo; encontros de oração sobre o tema do cuidado da Criação; a publicação de iniciativas concretas em prol do ambiente, como a instalação de painéis solares e campanhas de sensibilização em favor da energia limpa; a promoção de petições às autoridades locais e nacionais; manifestações, flash mob e outros. O objetivo da Rede global católica é alcançar mil eventos durante a semana.

Na programação, seminários on line sobre o cuidado da Criação

Consta na programação também seminários on line, com a participação de personalidades de renome internacional, entre os quais o chanceler da Pontifícia Academia das Ciências Sociais, Dom Marcelo Sánchez Sorondo, e o economista e ensaísta estadunidense Jeffrey Sachs, diretor do Earth Institute da Columbia University.

Adesões nas Filipinas

A iniciativa já recebeu numerosas adesões nas Filipinas, onde grupos ambientalistas católicos são muito ativos, confirmando assim o grande interesse da Igreja local por este tema.

Entre os eventos promovidos no país do sudeste asiático destaca-se um Simpósio sobre a “Laudato si”, a realizar-se na Universidade Santo Tomás, em 18 do corrente, no qual se falará também acerca dos desdobramentos após a Cop21 e sobre as experiências concertas realizadas nas comunidades locais para proteger o ambiente.

Por Rádio Vaticano

Compartilhar.

Deixe um comentário