“Venho como servo do Evangelho e mensageiro de paz”

0

Schermata-2016-02-08-alle-10.51.43Ontem, faltando dois dias para o começo da próxima visita pastoral, o Papa Francisco exortou os armênios a “rezar por esta viagem apostólica”.

Em mensagem de vídeo o Santo Padre comenta que irá ao país caucásico “como um peregrino” naquele que é o “primeiro país cristão”.

O Pontífice irá à Armênia para “alimentar-se da sabedoria antiga do vosso povo e banhar-me das fontes da vossa fé, rochosa como as vossas famosas cruzes esculpidas na pedra”.

“Venho para as místicas alturas da Armênia como vosso irmão, incentivado pelo desejo de ver os vossos rostos, de orar juntos e de compartilhar o dom da amizade”, continua o Papa.

“A vossa história e os acontecimentos do vosso amado povo – afirma Bergoglio na mensagem de vídeo – suscitam em mim admiração e dor: admiração, porque encontrastes na cruz de Jesus e no vosso engenho a força de levantar-vos sempre, também de sofrimentos que estão entre as mais terríveis que a humanidade recorda: dor, pelas tragédias que os vossos pais viveram na sua carne”.

Francisco recomendou aos Armênios: “Não permitamos que as recordações dolorosas tomem conta do nosso coração; ainda perante os ataques repetidos do mal, não desanimemos”. E indica o exemplo de “Noé, que depois do dilúvio não cansou de olhar para o céu e de libertar mais vezes a pomba, até que uma vez ela voltou a ele, levando uma pequena folha de oliveira (Gen 8, 11): era o sinal de que a vida podia recomeçar e a esperança devia ressurgir”.

O Santo Padre irá à Armênia, portanto, como “servo do Evangelho e mensageiro de paz”, com a finalidade “apoiar todo esforço no caminho da paz” e compartilhar com o povo armênio os “passos no caminho da reconciliação, que gera a esperança”.

Invocando a bênção dos “grandes santos” da terra armênia – especialmente o Dr. da Igreja Gregório de Narek – o Pontífice expressou a sua alegria de poder “reabraçar o meu Irmão Karekin e, junto com ele, renovar o nosso caminho rumo à plena unidade”.

Por Zenit

Compartilhar.

Deixe um comentário